SENHORES USUÁRIOS, INFELIZMENTE, O SITE NÃO ACEITA MAIS NOSSAS POSTAGENS E RETORNA MENSAGENS DE ERRO. EM RAZÃO DISSO, MUITOS PACIENTES NÃO TÊM RECEBIDO A ORIENTAÇÃO DE QUE TANTO NECESSITAM. JÁ CONTATAMOS OS TÉCNICOS DA EMPRESA RESPONSÁVEL, MAS ELES NÃO PUDERAM SOLUCIONAR O PROBLEMA. POR ESTE MOTIVO, ESTAMOS MUDANDO DE SITE. INFORMAREMOS O ENDEREÇO, ASSIM QUE O NOSSO NOVO FORUM ESTIVER NO AR. PEDIMOS DESCULPAS A TODOS. Paulo Benevento. Diretor jurídico da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Estado de São Paulo.

Tags: direito cancer direitos
15/04/2009 19:48
De: carmen maria
IP: 200.102.99.177

Direito a medicamento

Meu pai tem câncer de pulmão,com  tratamento que foi usado não se obteve resultado e a medicacão que a medica sugeriu o sus não paga. nós não temos condisões financeiras para pagar, ele tem o direto a este madicamento?  Como proceder para conseguir?
18/08/2009 00:05
De: Paulo Benevento (contato@paulobenevento.com)
IP: 201.74.30.216

Re: Re: Tarceva 150mg

Ana Paula,
Tarceva é um medicamento muito caro, mas muito importante no tratamento do câncer de pulmão. Entre em contato: 11 9108-2124  11 4043-3620.
Paulo Benevento.
Advogado sanitarista.
Diretor Jurídico da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Estado de São Paulo.
30/03/2009 17:20
De: Paulo Benevento
IP: 201.27.75.81

Re: Assistência jurídica - convênios

Dra. Aline,
A Rede Feminina de Combate ao Câncer de São Caetano do Sul poderá orientar seus pacientes, indicando a solução mais adequada, para cada caso. O departamento jurídico desta entidade e da Rede Estadual estão sob meus cuidados e do Colega Amaury Laselva. Deixo meu telefone de contato.
Sua colaboração será muito bem-vinda. Queira definir um tema que possa abordar com periodicidade. A periodicidade fica a seu critério: uma vez por mês, duas vezes por mês, a cada dois meses, toda semana. Fique à vontade. Também preciso que defina uma data para sua primeira colaboração. Os artigos devem ser escritos em tom coloquial e não devem ser muito longos. O material deve ser enviado, com foto de rosto e minicurriculo, para o e-mail paulobenevento@aasp.org.br.
Atenciosamente,
Paulo Benevento.
Diretor Jurídico da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Estado de São Paulo.
http://onco-sp.blogspot.com
http://www.redefemininaesp.org.br
http://www.redefeminina.org.br
Dep. Jurídico: (11) 4043-3620
13/04/2009 15:56
De: ELISABETE TELLES
IP: 189.25.155.224

Reposição da mama

olá! DOUTOR.
TIVE CANCER EM 2000, RETIREI A MAMA .
GOSTARIA DE SABER SE TEM O MODO MAIS RAPIDO PARA EU REPOR ,JÁ QUE A FILA TA GRANDE.
E EU NÃO TENHO DINHEIRO PARA FAZER PARTICULAR.
POIS ,AINDA SOU DEFICIENTE FISICA ,SEM A MAMA TA DIFICULTANDO MAIS AINDA MINHA COLUNA.
E É UM MUITO COSTRANGEDOR ,DIZER QUE SOU PNE E QUE NÃO TENHO UMA MAMA
TENHO 46 ANOS.
DEIS DE JÁ TE AGRADEÇO!
SERA QUE EM SP É MAIS RÁPIDO REPOR ?
15/08/2009 22:04
De: roseli diamante de oliveira
IP: 201.76.53.103

Direitos

oi a 2 anos faço tratamento de cancer de mama,fiz cirurgia e esvaziei as axilas e todos os outros processos hoje estou de licença do meu trabalho e com decorençia do tratamento estou com dois iptu atrsado.gostarioa de saber se eu posso entrar com recursos na prefeitura p/ não pagar o iptu e o que eu devo fazer...tambem gostaria de saber como eu faço o tratamento fora do estado por opção minha pois tem o tratamento no meu estado mais eu sinto mais confiança em fazer fora,gostaria de saber se tenho direito a ajuda de custo[passagem e estadia]e o que eu devo fazer....obrigada aguardo resposta.
20/03/2009 11:58
De: Adeilto
IP: 201.74.30.216

Erro nos caracteres

Paulo sei que você deu sua resposta mais não deu para visualizar c, pesso por gentileza retransmitir.
Grato Adeilto.
Paulo Benevento
Agradeço pela sua gentileza e presteza, vc já é uma pessoa de Deus pelo trabalho prestado a tantas pessoas sofrida por esta doença, na minha solicitação  faltou eu informar o trabalho e o tempo, trabalho  Banco Real sou supervisor de operaçoes fasso tudo,  tesouraria, caixa, contabilidade, atentimento a cliente extressado, e ainda tenho que  vender  produtos para cumprir metas que são relacionadas e transmitidas para os diretores, sou bancario desde agosto 1985, (23 anos 7 meses),  a minha CT foi assinada em 04/1981, em 12/1998 tinha 17 anos e 8 meses de contribuição, fiquei depois da cirurgia 7 meses afastado inss, voltei a trabalhar mais estou com medo do tm voltar, porque tenho certeza que o trabalho é a causa das reensidência.
Sou filho de agricultor trabalhei com meu pai dos 10 a 20 anos. Nos anos 90 tentei juntar o tempo no inss mais perdi o prazo quando foi vetado pelo inss, seria o caso tentar agora via judicial, será que consigo.
Desculpe está lhe comodando, mais vc não sabe o quanto mim ajudou.
Obrigado, e que Deus  dê  muitos anos de vida para continuar com sua missão.
Adeilto.
19/07/2009 23:30
De: josenete menezes da silva.
IP: 200.206.241.160

Quero saber dos direito. quando comprovado que estar com cancer gostaria de conheçer tds os beneficios.

ola,   gostaria de conheçer tds os direitos daqueles que tem cancer,pois meu ex  marido paga os exames particular ,perguntei a ele ....respondeu tenho que fz os exames particular mas o resto e pelo sus...nao entendir nada  pois estar desempregado.   e tem que pedir ajuda pra parentes.?????? gostaria de ter mas informações, sobre os beneficios.e se ele tem direito de pedir este dinheiro de volta?.....    muito obrigada.
28/02/2009 07:29
De: cecilia regina villela pereira
IP: 200.165.245.172

Carcinoma de colo uterino infiltrante metastatico

Bom dia,gostaria de tirar algumas duvidas.Em 2008 tive cancer do colo uterino com metastasi para o abdomem.Fiz histerectominal total radical e alongada, quando o medico abriu minha barriga, tinham 16 linfonodos(6 do lado esquerdo e 10 do lado direito.sendo 1 de cada lado maligno, que não deu em exame nenhum.Fiz radioterapia e quimioterapia.Hoje tenho acampanhamento psiquatrico, trato da depressão.Trabalho na Secretaria de Adm Penitenciaria do RJ como extra quadro.Estou pelo INSS. A minha pergunta é: Tenho direito a aposentadoria? Pois fiz um concurso para  o SEAP em 2003 e a minha psiquiatra disse que caso chamem de volta para o concurso, que eu não tenho mais direito,pois o meu cancer estava dando metastase.inclusive ela já me deu um laude solicitando a aposentadoria.
09/04/2009 15:14
De: Karina Ribeiro
IP: 189.66.244.153

Re: Re: Isenção de IPI para aquisiçào de automóvel - CA de mama

Boa Tarde Dr. Paulo Beneveto,
Obrigada por seu apoio!
Graças a Deus o problema da minha mãe foi solucionado.
Ela consegui passar pela perícia em um posto de saúde de sua cidade e conseguiu a assinatura da unidade que faltava.
Não foi necessário ação judicial.
Caso alguém tenha dúvidas quanto ao processo, posso orientá-los na medida do meu conhecimento. Meu emal é kakargomes@hotmail.com Processo para aquisição de automóvel com isençao de IPI para portadores de cancer de mama:
1) Pegar um laudo com médico que fez ou faz acompanhamento. É importante constar no laudo a data da cirurgia, tipo de tratamento posterior, se fez esvaziamento axilar, etc...
2) Procurar o DETRAN para passar por perícia médica que constatará a necessidade ou não de dirigir veículo adaptado (direção hidráulica e/ou câmbio automático). Lembre-se de levar os exames médicos que vc realizou antes e após a cirurgia.
3) De posse do laudo do Detran, tirar 2 cópias do mesmo e autenticá-las 4) Tirar carteira nacional de habilitação com a adaptação necessária 5) No site http://www.receita.fazenda.gov.br/legislacao/ins/2006/in6072006.htm o requerente deverá baixar os anexos: I, II, IV e XII
6) Procurar o hospital onde realizou a cirurgia ou unidade de saúde pública e pedir preenchimento dos anexos IX e XII. Atenção, a entidade tem que ser obrigatoriamente conveniada com o SUS.
7) De posse de todos esses documentos e anexos, procurar a receita federal e dar entrada no processo.
OBS: a carteira de motorista pode ser tirada posteriormente.
O requerente tem também direito a isenção de IPVA e IOF, mas ainda não tenho conhecimento sobre os trâmites legais para adiquirí-lo.
Atenciosamente.
Karina Ribeiro
21/07/2009 19:23
De: lyzette cristina franco e franco
IP: 200.158.101.73

PORTADORA DA CID C73 TENHO ALGUN DESCONTO NA FACULDADE?

Dr. Paulo,

Tenho 22 anos, curso medicina em Uberaba (UNIUBE).Fui operada em julho para retirada de um carcinoma papilífero na tireóide (CID 10 C.73). Não consegui o FIES, e estou tendo dificuldades em pagar as mensalidades. Gostaria de saber se há possibilidade de se conseguir algum benefício/bolsa de estudos para que eu conclua meu curso? Aguardo sua resposta.
Atenciosamente,
  Lyzette
11/04/2009 16:18
De: Paulo Benevento
IP: 201.74.30.216

Re: Deficiente fisico

Maria Pereira,
As isenções são de IPI e ICMS.  Alguns Estados também dão isenção de IPVA. Para obter o benefício é necessário que se prove uma limitação que impossibilite a utilização de um veículo comum. Constada a necessidade de adaptação do veículo, no órgão de trânsito, o interessado deve encaminhar à Receita Federal laudo oficial que ateste uma das patologias previstas na lei 8989/95, quais sejam, paraplegia, paraparesia, monoplegia, monoparesia, tetraplegia, tetraparesia, triplegia, triparesia, hemiplegia, hemiparesia, amputação ou ausência de membro, paralisia cerebral, membros com deformidade congênita ou adquirida.
A Lei 8989/95 exige que o laudo contenha a forma patológica da alteração corporal:
"Art. 1º Ficam isentos do Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI os automóveis de passageiros de fabricação nacional, equipados com motor de cilindrada não superior a dois mil centímetros de cúbicos, de no mínimo quatro portas inclusive a e acesso ao bagageiro, movidos a combustíveis de origem renovável ou sistema reversível de combustão, quando adquiridos por: IV - pessoas portadoras de deficiência física, visual, mental severa ou profunda, ou autistas, diretamente ou por intermédio de seu representante legal;
§ 1o Para a concessão do benefício previsto no art. 1o é considerada também pessoa portadora de deficiência física aquela que apresenta alteração completa ou parcial de um ou mais segmentos do corpo humano, acarretando o comprometimento da função física, apresentando-se sob a forma de paraplegia, paraparesia, monoplegia, monoparesia, tetraplegia, tetraparesia, triplegia, triparesia, hemiplegia, hemiparesia, amputação ou ausência de membro, paralisia cerebral, membros com deformidade congênita ou adquirida, exceto as deformidades estéticas e as que não produzam dificuldades para o desempenho de funções."
O laudo do órgão de trânsto, geralmente, descreve o tipo de alteração que o veículo deve possuiir, mas deixa de mencionar o tipo de comprometimento da função física. Por isso, acaba-se exigindo outro laudo, expedido por órgão oficial ou particular conveniado ao SUS.
Um abraço.
Paulo Benevento
Diretor Jurídico da Rede Feminina de Combate ao câncer do Estado de São Paulo.
Seu IP: 3.95.63.218 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)