SENHORES USUÁRIOS, INFELIZMENTE, O SITE NÃO ACEITA MAIS NOSSAS POSTAGENS E RETORNA MENSAGENS DE ERRO. EM RAZÃO DISSO, MUITOS PACIENTES NÃO TÊM RECEBIDO A ORIENTAÇÃO DE QUE TANTO NECESSITAM. JÁ CONTATAMOS OS TÉCNICOS DA EMPRESA RESPONSÁVEL, MAS ELES NÃO PUDERAM SOLUCIONAR O PROBLEMA. POR ESTE MOTIVO, ESTAMOS MUDANDO DE SITE. INFORMAREMOS O ENDEREÇO, ASSIM QUE O NOSSO NOVO FORUM ESTIVER NO AR. PEDIMOS DESCULPAS A TODOS. Paulo Benevento. Diretor jurídico da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Estado de São Paulo.

Tags: direito cancer direitos
08/03/2009 11:07
De: Cristiana Oliveira (titabiel.nascimento@yahoo.com.br)
IP: 189.24.63.151

Re: Re: Leucemia

Meu filho hoje é transplantado(fez transplante de médula osséa) hoje ele se encontra com 5 anos quais são os direitos legais dele na minha Cidade por exemplo não dá direito há ele ter um carro que possa levá-lo e trazer para casa TFD como devo proceder nesse meio tempo ando com ele de ônibus correndo o risco de infecções e quais direitos ele tem e q vcs possam me ajudar resido no Municipio de São Gonçalo-RJ. Obrigada
01/06/2009 11:54
De: Paulo Benevento (paulobenevento@aasp.org.br)
IP: 201.74.30.216

Re: Cancer de mama

Laércio,
Os benefícios previdenciários dependem sempre de contribuição. Ela não tem direito à aposentadoria, mas pode ter direito a algum benefício assistencial. Caso comprove renda, por membro da família (por cabeça), inferior a um quarto do salário mínimo, poderá requerer o BCP - Benefício de Prestação Continuada, que equivale a um salário mínimo mensal.
Fico à disposição para mais esclarecimentos.
Paulo Benevento.
10/03/2009 18:53
De: sandra regina sangar
IP: 201.68.227.252

Convenio medico - realização de exame

temos unimed paulistana, meu marido presisa fazer o exame pet ct scan corporal total, e não foi autorizado pela unimed taubate, justificando: procedimento não consta no rol ANS.Pagamos unimed a 17 anos, o diagnostico do meu marido é melanoma, foi submetido a cirurgia e necessita do exame para controle   ..... O que devemos fazer? O Hospital do Cancer realiza o exame pela unimed paulistana, porém tem que ser autorizado pela unimed taubaté..... grata
10/03/2009 22:01
De: Paulo Benevento
IP: 201.74.30.216

Re: Duvidas

Tereza
Funciona assim, paciente internado tem direito a toda medicação e aos procedimentos que forem necessários. Mas, os planos não são obrigados a fornecer medicamentos, se o paciente está sendo medicado em casa, salvo se a cobertura do plano prevê isso. O que você pode e deve fazer é ingressar com uma ação judicial contra o Estado. Procure a assistência judiciária ou um advogado de sua confiança.
Um abraço.
Paulo Benevento
Diretor Jurídico da Rede Fem. de Combate ao Câncer do Estado de São Paulo.
07/02/2009 01:06
De: sonia maria mayrink (soniamayrink@yahoo.com.br)
IP: 189.12.168.194

DESCONTO PARA COMPRA DE VEICULO

Minha mãe tem cancêr que começou atingindo o útero, passou para outros orgãos, bexiga, ovário, intestino... hoje ela usa bolsa de colostomia (intestino grosso) e sonda para a urina...(são duas bolsas externas). Gostaria de saber se existe algum beneficio (DESCONTO) na aquisição de automóveis, devido a esta série de problemas e o difícil deslocamento inclusive para dar continuidade a seu tratamento. Gostaria de receber uma resposta sobre o assunto, já que necessito com urgência resolver o problema e não sei quais são as medidas necessárias a serem tomadas. Desde já , agradeço a atenção.
30/04/2009 01:42
De: katia fonseca
IP: 187.25.17.206

MIELOMA MULTIPLO

PREZADO DR PAULO BENEVENUTO
      POR ESTES DIAS RECEBI A NOTICIA DE QUE SOU PORTADORA DE UM MIELOMA MULTIPLO , UM TIPO DE DOENÇA MALIGNA QUE DESTROI A PARTE  OSSEA . SOU SERVIDORA PUBLICA E ASSALARIADA , COM 28 ANNOS DE PROFISSÃO EM  BRASILIA , GOSTARIA DE SABER QUE DIREITOS TENHO EM RELAÇÃO A FINANCIAMENTOS , APOSENTADORIA E OUTROS , ONDE POSSO ENCONTRAR , FICO NO AGUARDO
25/02/2009 13:27
De: Paulo Benevento (paulobenevento@aasp.org.br)
IP: 201.74.30.216

Re: Cancer de mama

Oi, Katia.
Desculpe Kátia. Houve um erro na postagem anterior.
Os benefícios por incapacidade dependem de certos requisitos:
Aposentadoria por invalidez: incapacidade total e permanente, para quaquer atividade.
Auxílio-doença: incapaciadade total ou parcial e temporária + afastamento por mais de 15 dias (no caso do câncer, na há carência).
Assista ao vídeo informativo no OncoSP, o guia oncológico da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Estdo de São Paulo: http://onco-sp.blogspot.com/search/label/V%C3%ADdeos%20Informativos Se restarem dúvidas mande um e-mail.
Um abraço.
Paulo Benevento.
Diretor Jurídico da Rede Feminina de Combate ao Câncer do Estado de São Paulo Advogado especialista em Saúde, Previdência e Assistência Social.
paulobenevento@aasp.org.br
11/04/2009 16:50
De: Paulo Benevento
IP: 201.74.30.216

Re: Direitos

Maria,
Acho que você está falando da pensão por morte. No caso, como ele é militar federal, a lei que se aplica é a 3765/60. O artigo 7º responde a sua pergunta. Os menores sob guarda são beneficiários, sim. Convém incluí-los na relação de dependentes.
Art. 7o  A pensão militar é deferida em processo de habilitação, tomando-se por base a declaração de beneficiários preenchida em vida pelo contribuinte, na ordem de prioridade e condições a seguir:  (Redação dada pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       I - primeira ordem de prioridade: (Redação dada pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       a) cônjuge; (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       b) companheiro ou companheira designada ou que comprove união estável como entidade familiar; (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       c) pessoa desquitada, separada judicialmente, divorciada do instituidor ou a ex-convivente, desde que percebam pensão alimentícia; (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       d) filhos ou enteados até vinte e um anos de idade ou até vinte e quatro anos de idade, se estudantes universitários ou, se inválidos, enquanto durar a invalidez; e (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       e) menor sob guarda ou tutela até vinte e um anos de idade ou, se estudante universitário, até vinte e quatro anos de idade ou, se inválido, enquanto durar a invalidez. (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       II - segunda ordem de prioridade, a mãe e o pai que comprovem dependência econômica do militar; (Redação dada pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       III - terceira ordem de prioridade: (Redação dada pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       a) o irmão órfão, até vinte e um anos de idade ou, se estudante universitário, até vinte e quatro anos de idade, e o inválido, enquanto durar a invalidez, comprovada a dependência econômica do militar; (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       b) a pessoa designada, até vinte e um anos de idade, se inválida, enquanto durar a invalidez, ou maior de sessenta anos de idade, que vivam na dependência econômica do militar. (Incluída pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       § 1o  A concessão da pensão aos beneficiários de que tratam o inciso I, alíneas "a", "b", "c" e "d", exclui desse direito os beneficiários referidos nos incisos II e III. (Incluído pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       § 2o  A pensão será concedida integralmente aos beneficiários do inciso I, alíneas "a" e "b", ou distribuída em partes iguais entre os beneficiários daquele inciso, alíneas "a" e "c" ou "b" e "c", legalmente habilitados, exceto se existirem beneficiários previstos nas suas alíneas "d" e "e". (Incluído pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001)
       § 3o  Ocorrendo a exceção do § 2o, metade do valor caberá aos beneficiários do inciso I, alíneas "a" e "c" ou "b" e "c", sendo a outra metade do valor da pensão rateada, em partes iguais, entre os beneficiários do inciso I, alíneas "d" e "e". (Incluído pela Medida provisória nº 2215-10, de 31.8.2001).
15/07/2009 09:00
De: Regiane Aparecida da Silva
IP: 200.162.39.194

FINANCIAMENTO DE VEÍCULO

Bom dia!
Prezados,
Por favor, preciso saber quais direitos um portador de câncer de pulmão com metástase óssea e comprometimento do membro superior direito, tem referente ao financiamento de veículo, trata-se de dívida de 60 meses onde foi quitado 12 aproximadamente.
Aguardo urgente retorno, pois o advogado que presta serviço para financiadora entrou em contato informando que após 3 parcelas em atraso será feito busca de mandato do veículo.
Obrigada pela atenção.
Atenciosamente,
Regiane Aparecida da Silva
08/04/2009 15:26
De: Patrícia
IP: 200.166.37.197

Aposentadoria/Trabalho

Uma vez em processo de aposentadoria, aquele já acometido por câncer pode fazer concursos ou pleitear um emprego (público/particular) na mesma ou em outra área de trabalho?Afinal, a aposentadoria é um direito, mas câncer não significa, muitas vezes, morte em vida. O paciente precisa e deve ocupar o tempo com o que lhe for mais conveniente... Tal qual alguns deficientes, poderia, inclusive, concorrer nas cotas exigidas por lei (para deficientes) em concursos e similares? Obrigada por quaisquer orientações.
24/02/2009 22:21
De: katia silva
IP: 201.53.235.44

INSS nega pedido de aposentadoria - Justiça

Boa noite
tive câncer de mama, fiz matectomia radical com esvaziamento total da axila. Apesar de possuir 5 laudos com indicação para a aposentadoria, o INSS insiste em me manter no auxílio-doença e , pelo que tudo indica, não indicará minha aposentadoria. Quais as chances de consegui-la via judical ?
Atenciosamente
Katia
Seu IP: 54.224.99.70 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)