Espaço para a discussão sobre a AHT (AUTO-HEMOTERAPIA) e envio de relatos sobre experiências dos usuários desta técnica terapêutica. A AUTO-HEMOTERAPIA é uma técnica simples, em que, mediante a retirada de uma pequena quantidade de sangue da veia e sua imediata aplicação no músculo, estimula um aumento dos macrófagos, que são as células sangüíneas que fazem a "limpeza" de tudo o que é prejudicial no organismo, eliminando bactérias, vírus, as células cancerosas, etc. Esse aumento da produção de macrófagos pela medula óssea (de 5% para 22%) se deve ao fato de que o sangue injetado no músculo funciona como um "corpo estranho" a ser rejeitado pelo Sistema Retículo Endotelial (SRE), o que faz com que o nível imunológico se eleve, permanecendo ativado durante 5 dias, após os quais o percentual de macrófagos vai decaindo até o sétimo dia, retornando aos 5%. Com isso, inúmeras doenças, inclusive as graves como as auto-imunes, regridem rapidamente, proporcionando o restabelecimento da saúde. A AHT, entretanto, não representa nenhum risco para o paciente e não produz efeitos colaterais. Este fórum se destina primordialmente àqueles que já utilizam a AHT e não possuem mais dúvidas sobre sua eficácia, mas também admite a discussão séria e responsável sobre o assunto, tendo em vista o envio de orientações sobre os detalhes da técnica, tanto para os que já a utilizam, como para os que desejam passar a utilizá-la e querem se informar melhor sobre a mesma.

Tags: tratamento medicina sangue enfermagem autohemoterapia anvisa crm auto-hemoterapia coren cfm sus
27/03/2010 14:19
De: Walter Medeiros (waltermedeiros@supercabo.com.br)
IP: 187.111.252.232

Cisto no joelho

O sonoplasta rádio 98 Fm, Gilvan Santos (49), é outro exemplo clássico e bem sucedido de Autohemoterapia. Há um ano descobriu um cisto no joelho. Andava com dificuldade. Bem acima do peso e precisando urgentemente praticar uma atividade física. Foi apresentado a Autohemoterapia pelo patrão e empresário Felinto Rodrigues Neto. Em três meses a dor desapareceu e pôde voltar a se exercitar. Hoje, com dez quilos a menos, se considera um atleta de alto rendimento graças a injeção do sangue. Até os problemas de pressão alta desapareceram. “Não dou ouvido aos comentários negativos sobre o tratamento. O que me interessa é o resultado e eu sou a prova viva de que a Autohemoterapia realmente funciona”, diz ele.
27/05/2008 18:17
De: eunice
IP: 189.100.132.32

Autohemo

gostaria de saber se alguem conhece casos de melhora com a autohemo para anemia e utero aumentado.
a outra dúvida é: após quanto tempo de tratamento para se obter melhoras? Estou na sexta aplicação semanal de 5ml.
16/02/2010 00:33
De: Ana Paula
IP: 187.90.54.102

Adiado julgamento do Dr Luiz Moura no CFM

O CFM adiou o julgamento do Dr Luiz Moura porque já se deu conta de que todos os relatos de cura são verdadeiros e não se tratam de autosugestão, milagre ou charlatanismo. Esse adiamento revela a cautela do Conselho em decidir sobre um assunto polêmico, após tantas evidências de que a AH é eficiente, tem sim grande importância no tratamento de diversas doenças e que o julgamento do Conselho do Rio de Janeiro foi o pior de toda a sua história, em total incoerência, ignorância, injustiça e fundado em interesses escusos. Todo mundo que faz uso da AH sabe que a técnica funciona, eu sei disso e toda a minha família também sabe. Não sou nenhuma ignorante, sou uma pessoa com conhecimento, pós-graduada, engenheira, advogada e, apesar de não ser médica, sei muito bem que o conhecimento também é fundamentado na experiência. No caso da AH a experiência está mais que consolidado; se não a transformaram em conhecimento científico é porque não querem, não têm interesse e todos sabemos o porquê. O Dr Luiz Moura não pode ser crucificado por falar a verdade sobre isso. Tem gente muito tacanha no mundo, com o tal Felipe que também comenta aqui, gente que pode estudar anos, mas não aprende a pensar, só sabe mesmo reproduzir. Assim são também os profissionais que condenaram o Dr. Luiz Moura no Rio. Se o CFM ratificar a decisão do Rio, tenho certeza de que a Justiça vai corrigir o erro.
04/10/2009 11:13
De: Fábio Pio de Amorim
IP: 200.249.67.15

Auto-hemoterapia

Sou Farmaceutico-Bioquimico Já constatei laboratorialmente que o Número de Macrofagos passou de 2% para 22% Fiz a experiencia em mim mesmo.acho que a tecnica deveria ser mais utilizada em beneficio principalmente das pessoa mais pobres já que é de baixissimo custo...Acho precipitada e preconceituosa a proibição da ANVISA...Talvez seja porque a indústria Farmaceutica movimente muito dinheiro...
12/01/2009 14:18
De: ARIMATÉA BARBOSA (vozdafarda@gmail.com)
IP: 200.214.61.2

Re: Como fazer a auto hemoterapia?

Você dever fazer as aplicações semanalmente, ou seja, reserve um dia da semana, preferencialmente no mesmo horário.
A quantidade de sangue (5ml se for o seu caso) deve ser retirado da veia da dobra de um dos braços e aplicado em seguida no musculo (deltoide ou gluteo).
No seu caso, também seria interessante fazer uso do cloreto de magnésio que é vendido em qualquer farmácia de manupilação ou convencional.
Escreva para mim e enviarei a cópia do DVD do Dr. Luiz Moura.
01/05/2009 14:59
De: Joel Martini de Campos (joelmartini@zipmail.com.br)
IP: 200.233.63.167

Re: Auto hemoterapia para tratamento de varizes

Márcia, pelo que você escreveu está querendo se livrar da cirurgia. Caso duvide de seu cirurgião vascular procure outro para dar opinião. Devemos evitar na medida do possível qualquer método invasivo para resolver nossos problemas de saúde. Somente em último caso partimos para as   -
cirurgias.Abraços, Joel
25/11/2009 21:40
De: Ondina
IP: 189.11.92.149

Hemoterapia

Minha mãe tem 83 anos e tem problemas de trombose,
que está controlada.Agora ela tem uma lesão na perna,
quearde e cossa,quero sua opinão.
Agradeço.
15/09/2015 18:16
De: José Augusto
IP: 191.179.121.95

Quero voltar a fazer auto-hemoterapia - Olinda

Boa noite.
Me chamo Augusto, e moro em Olinda-Pernambuco. Alguns anos atrás, quando morava com meus pais e irmão em Recife, todos fazíamos sessões semanais de auto-hemoterapia em casa, com uma conhecida de uma amiga nossa. Acontece que perdemos o contato com ela, e me mudei para Olinda há alguns anos.
Sinto muita falta das sessões semanais, e quero muito voltar a fazer. Por favor, me ajudem. Alguém conhece pessoa que possa me ajudar com as sessões aqui em Olinda, ou mesmo Recife?? Obrigado!
04/05/2011 19:52
De: M.Fetha
IP: 189.123.95.227

Relatos (336 páginas de testemunhos de usuários) beneficiados com a Auto-hemoterapia.

Relatos (336 páginas de testemunhos de usuários) beneficiados com a Auto-hemoterapia.
acnase, aftas, alergias, alzheimer, anemia, ansiedade, artrite, artrose, asma, autoimunohemoterapia, câncer, câncer de pele, cardiopatia, cistite, cistos, colesterol, colite, coração, crohn, depressão, dermatite, derrames, diabetes, doença de chagas, dor de garganta, dores, dores na coluna, enfisema, enxaqueca, epilepsia, erisipela, esclerodermia, espondilite, esteatose, estresse, feridas, fibromialgia, fibroses, fungos, furunculose, gastrite, glaucoma, gota, gripe, hemorróidas, hepatite, hernia de disco, herpes, hipertensão, histoplasmose, hiv, infecções, insônia, labirintite, leucemia, leucopenia, lupus, mal de parkinson, menopausa, menstruação, micoses, mioma, na odontologia, neurofibrose, osteomielite, osteoporose, penfigo, prisão de ventre, problemas anestesia, problemas circulatórios, problemas de pele, problemas de vista, problemas estomacais, problemas pulmonares, problemas renais, psoríase, púrpura, reumatismo, rinite, síndromes, sinusite, tiróide, toxoplasmose, trombose, tumores, várias patologias (1 e 2) , varizes, verrugas, vírus hpv.
Os benefícios da auto-hemoterapia em várias enfermidades observados nos testemunhos deste PDF, são a maior prova de que ela indubitavelmente estimula o sistema imunológico, confirmando-se assim, como uma terapia de enorme valor.
PDF completo com 336 páginas (de relatos separados por doenças)
http://alturl.com/8gh5o
http://www.geocities.ws/autohemoterapiabr/autohemoterapia_testemunhos_336_paginas.pdf -
Ajude a divulgar a Auto-hemoterapia, disponibilizando este PDF para download também em seu site.
04/05/2014 05:03
De: Fetha
IP: 177.78.54.250

Dr. Moura completa 89 anos. Ele nasceu em 4 de maio de 1925.

Dr. Moura completa 89 anos. Ele nasceu em 4 de maio de 1925.
Quem é o Dr. Luiz Moura
Dr. Luiz Moura - o maior difusor da auto-hemoterapia e um dos muitos médicos que a receitavam – nasceu no Rio de Janeiro em 04 de maio de 1925, filho de médico. Estudou na Faculdade Nacional de Medicina da UFRJ, quando a universidade ainda ficava na Praia Vermelha, mesmo lugar em que o seu pai se formara nos idos de 1918.
Médico clínico geral, Dr. Luiz Moura foi vice-diretor do Hospital Cardoso Fontes de Bonsucesso, um dos maiores hospitais do Rio de Janeiro. Presidente do INPS, na época em que englobava o INAMPS, diretor da DIMED, órgão de fiscalização que deu lugar à ANVISA, diretor de medicina social do estado do Rio de Janeiro, fundador da CEME (Central de Medicamentos), feito que desagradou a indústria farmacêutica.
O Brasil e a saúde pública devem muito a este grande homem, que, do alto de mais de 60 anos de exercício da medicina, sempre ancorado no juramento hipocrático, teve a coragem de enfrentar interesses poderosos e escusos, ao divulgar a auto-hemoterapia, retirando do ostracismo essa técnica que foi esquecida por força da ganância dos que enriquecem às custas das nossas doenças.
Dr. Moura começou a aplicar a auto-hemoterapia ainda como estudante de medicina, em 1943, quando entrou para a faculdade de medicina. O seu pai foi professor da mesma faculdade, e mandava retirar e aplicar sangue nos pacientes que operava. Ele fazia isso baseado no trabalho do professor Jesse Teixeira - que foi feito especificamente para evitar infecções pós-operatórias, e que resultou no maior prêmio de trabalho publicado em 1940.
Ele se limitou a usar durante muitos anos a auto-hemoterapia exclusivamente para tratar de infecções, acne juvenil (que é uma infecção de estafilococos) e também evitar infecções pós-cirúrgicas. Nesse tempo era cirurgião, então também usava o mesmo método. A finalidade era basicamente combater bactérias.  
A partir de 1976 passou a usar numa amplitude muito maior, graças a um médico, Dr. Floramante Garófalo, um ginecologista, que era assistente do diretor do hospital Cardoso Fontes em Jacarepaguá. O professor Garófalo chegou se queixando de uma dor, uma dormência que sentia na perna quando fazia uma caminhada de 100 a 200 metros. Tinha que sentar na rua, no meio-fio porque não conseguia mais andar. O raios-X que mostrou 10 (dez) centímetros de artéria entupida. A solução era fazer uma prótese. O Dr. Garófalo rejeitou a solução e disse: “quem vai me curar é a auto-hemoterapia”. E pediu que Dr. Moura aplicasse nele. No fim de 4 (quatro) meses sentia-se curado. Novo exame de raios-X mostrou que não havia mais obstrução alguma.
Dr. Garófalo presenteou Dr. Moura com dois trabalhos: um do Dr. Jesse Teixeira e outro do Dr. Ricardo Veronesi. Há um intervalo entre esses dois trabalhos de 36 anos, um é de 1940 e o outro de 1976. Mas a impressão é que um foi feito para o outro, para combinar, um com o outro. Enquanto o trabalho do Dr. Jesse Teixeira se limitava à ação da auto-hemoterapia em evitar infecções pós-operatórias, o do professor Ricardo Veronesi, professor da Universidade de Santos, a imunologia já tinha avançado muito mais e se tinha descoberto que o Sistema Retículo - Endotelial (SRE) tem muitas outras funções além de combater as bactérias.
Mostrando que a auto-hemoterapia é um recurso de enorme valor, com a amplitude que o avanço da imunologia deu. Até porque afirma que antibiótico não mata bactéria, ele só paralisa a reprodução das bactérias. Quem mata a bactéria é nosso Sistema Imunológico, completando o trabalho do antibiótico.
Em 1976, num caso de esclerodermia fase final, no qual a médica disse que não tinha nada a fazer, Dr. Luiz Moura propôs o tratamento com auto-hemoterapia. A médica concordou. A melhora foi uma coisa espantosa. Trinta dias depois a paciente saiu andando do hospital.
Assim seguiu receitando auto-hemoterapia para inúmeras enfermidades.
Em 2004 aceitou gravar uma entrevista na qual conta toda sua experiência e diz como funciona a técnica, incluindo as dosagens recomendadas. Com a audiência do DVD da entrevista ganhando grandes proporções, no primeiro semestre de 2007 a ANVISA emitiu Nota Técnica completamente questionável contra o uso da auto-hemoterapia. Em dezembro daquele ano o Conselho Federal de Medicina aprovou Parecer superficial e incompleto afirmando que a técnica não teria comprovação científica. Desde então os médicos ficaram impedidos de trabalhar com a auto-hemoterapia.
* texto de Walter Medeiros
https://www.facebook.com/autohemoterapiacasosdesucesso/media_set?set=a.697013403689512.1073741841.100001425771236&type=3
Seu IP: 18.206.48.142 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)