Criar forum gratis
Este fórum visa trocar experiências sobre a auto-hemoterapia. Se vc já fez ou está fazendo AH relate aqui os seus resultados. A divulgação dessas experiências é que irá tornar esse tratamento mais confiável, já que a AH é muito criticada pelos médicos tradicionais, por falta de resultados consistentes e por não existirem pesquisas cientificas que comprovem a sua eficácia. Aliás, será que existe interesse deles nessa terapia tão barata? Portanto, os resultados consistentes de que os médicos tanto necessitam para prescrever esse tratamento poderá ser obtido neste fórum, através de cada relato, o que espero seja sempre positivo. Entretanto, é muito importante deixar claro que não prescrevemos o tratamento de auto hemoterapia a ninguem porquanto não somos médicos. Repita-se, este fóroum visa apenas a troca de experiências de pessoas que estão se submetendo a esta terapia, seja por opção própria, seja por prescrição de alguém. Muitas pessoas perguntam se a auto hemoterapia serve para as doenças que lhes acometem, as quais são imensamente variadas. As resposta a essas perguntas são dadas por pessoas que já estão se submetendo ou por pessoas que assistiram ao vídeo do Dr. Luiz Moura e, daí, respondem às dúvidas aqui apostadas. Porém, tenham em mente que estas respostas não sao dadas por um médico, devendo ser recebidas apenas como troca de informação e jamais como uma real prescrição médica. . .........................................................................................................................................................................................................................................OBS>>> ESTE FÓRUM FOI CONFIGURADO PELO ADMINISTRADOR DE FORMA QUE TODAS AS MENSAGENS SEJAM APROVADAS AUTOMATICAMENTE. QUANDO ELAS FICAM AGUARDANDO A APROVAÇÃO, É POR PROBLEMA DE MAU FUNCIONAMENTO DO SITE E NÃO POR VONTADE DO ADMINISTRADOR.
Assinar este forum via:
[RSS/Atom]     [E-mail]

Relacionados: autohemoterapia

Mensagem

Relato de caso pessoal

De Marcos Aurélio Cardoso Moraes (marcosfaxina@gmail.com) em 20/07/2013 21:33:23 a partir de 177.41.40.171
Meu nome é Marcos Aurélio, sou Médico Veterinário, e tenho 46 anos de idade.
Sempre tive o sistema respiratório "não muito santo"...rsrsrs. Além de asma e bronquite (curadas com
acupuntura há cerca de 15 anos), sempre tive sinusite crônica, e vivia com o "nariz escorrendo" (desde
criança). Estava sempre "encatarrado", e já tive pneumonia por 3 vezes (com cerca de 12, 20 e 25
anos de idade).
Até recentemente (três anos atrás) não podia nem frequentar locais com ar-condicionado (até mesmo
ônibus), ou enfrentar uma frente fria, que a sinusite aumentava, e várias vezes acometeu-me também
uma faringite. Estava tomando antibióticos a uma média de 2 a 3 vezes por ano (sempre que a faringite
me acometia mais pesadamente).
Há cerca de 4 anos fui apresentado à técnica (auto-hemoterapia), mas confesso que tive um certo
receio.
Porém, 1 ano após eu ter sido apresentado a técnica da auto-hemoterapia, apareceu um pequeno
abscesso na base do nariz, o qual me incomodava bastante (esteticamente e tembém pela dor que
começava a causar). Resolvi então experimentar a técnica. Fiquei surpreso com o resultado: em dois
dias, o abscesso havia desaparecido.
Me tornei então um praticante da auto-hemoterapia, sempre solicitando a amig@s da área médica que
me apliquem, mas enfim tornei-me quase independente. Quando @s amig@s me faltam (também eles
têm suas vidas e seus compromissos), eu mesmo me aplico, no glúteo.
Estou há três anos fazendo a auto-hemoterapia (com algumas falhas, pois às vezes fico semanas sem
fazer), e neste período de 3 anos somente fiquei doente (faringite) uma vez, com a chegada de uma
frente fria num período em que estava há umas 3 semanas sem realizar a técnica.
Resultado: quando percebi que estava ficando doente, procurei uma amiga que me aplicasse (realizou a
aplicação às 18:30), fui dar aula (de 19 às 22 h), saí da aula com febre, me sentindo bastante mal, e
com dor na garganta. Fui para casa, dormi, suei bastante (levantei 3 vezes pra trocar o lençol suado),
mas pela manhã já estava completamente são, sem febre, sem mal-estar, sem dor na garganta.
Desnecessário dizer que não deixo mais este espaçamento longo sem aplicação ocorrer. Tento aplicar
semanalmente, mas nunca deixo passar de 10 dias.
Outro relato interessante: há pouco mais de um ano (em março de 2012) sofri uma queda de uma laje,
tendo fraturado calcanhar (abriu uma cunha), bacia (fratura completa) e coluna (fragmento da T 12).
O ortopedista me deu um prognóstico de 3 meses para largar as muletas e a bota e tivesse uma
recuperação plena. Porém, para surpresa de tod@s (inclusive dele), com 3 semanas (TRÊS SEMANAS)
eu estava completamente recuperado, largando as muletas e a bota e voltando a dar aulas.
Divulgo esta técnica sempre que há oportunidade, e várias pessoas (da área médica, inclusive), já
optaram pela sua prática, em si mesmas e em parentes e amigos.
Espero que este relato sirva de estímulo a mais pessoas se interessarem pelo tema.
Abraços,
Marcos.

Respostas:

Relato de caso pessoal (Fetha - 21/07/2013 20:58:47)

Responder a esta mensagem

Atenção:
A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, bem como a humilhação e exposição pública caluniosa e difamatória, constituem crimes punidos pela legislação brasileira. Denuncie aqui sites e/ou mensagens de fóruns hospedados na Insite contendo qualquer violação.
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Quero receber notificação por email se minha mensagem for respondida.
Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)
 

| Hospedagem de Sites | Acesso Banda Larga | On Google Plus
Tecnologia Insite   -   Soluções Internet   -   ©   2019 -   http://www.insite.com.br