Tags: cancer direitos criancas pessoas portador
14/11/2011 14:09
De: Rosicler dos santos
IP: 187.95.67.3

Direito a peneficio

minha filha de 4 anos tem tumor cerebral, trata essa doença a quase dois anos, queria saber se ela tem direito a algum beneficio?eu sou separada e estudante, no momento n trabalho, porque ela faz quimioterapia toda a semana.
08/09/2010 13:39
De: karina correia
IP: 201.68.167.200

CANCER DE PELE

OLÁ ,MINHA FILHA TEM 5 ANOS E NASCEU COM CARCINOMA BASOCELULAR ,JA PASSOU POR 8 CIRURGIAS ,AGORA TERÁ Q FAZER TRATAMENTO DENTARIO E COM PISCOLOGA E NAO E NA MESMA CIDADE ,PORISSO NAO POSSO ARRUMAR UM EMPREGO ,É DIFICIL ALGUEM Q ACEITE Q EU PERCA DIAS . JA TENTEI ENTRAR NO INSS E NÃO CONSEGUI ,POIS O MÉDICO ME FALOU QUE PORQUE ELA ANDAVA E FALAVA ELA NÃO TINHA DIREITO DE RECEBER QUALQUER BENEFICIO .GOSTARIA DE SABER SE ELA TEM DIREITO OU NÃO ,DESDE JÁ AGRADEÇO.OBRIGADA
20/05/2013 11:33
De: fabiana
IP: 189.10.229.13

Cancer de mama

fiz mastectomia radical com esvaziamento da axila ha 6 anos, nunca procurei inss, e sempre tive ajuda dos meus pais pra me manter, hj meu filho e marido me ajudam, tenho direito a receber alguma ajuda no inss???
09/07/2007 18:44
De: silvia regina de oliveira
IP: 201.1.30.6

Auxilio doença para menor

Boa tarde. Meu sobrinho tem 11 anos e tem cancêr. Tirou um do rim e dois do pulmão, agora a suspeita está no fígado. Gostaria de saber se ele tem direito ao auxilio doença.Por mais obrigada.
15/05/2007 12:49
De: Adriana da Cunha Leocádio
IP: 200.232.176.146

DIREITOS DOS PORTADORES DE DOENÇAS CRÔNICAS

A ESCOLHA DO TRATAMENTO É DO MÉDICO
São cada vez mais freqüentes os problemas envolvendo médicos e planos de saúde, tudo em decorrência de divergência na escolha do tratamento adequado, e o maior prejudicado neste braço de ferro é o paciente. E conciliar tais conflitos não é nada fácil.
Se por um lado os planos de saúde visam o equilíbrio financeiro e o lucro, por outro não se pode olvidar a finalidade social de tal atividade que é a cura e prevenção de doenças, através de medidas que assegurem a integridade física e psíquica do ser humano. É exatamente neste aspecto que o profissional médico tem primordial engajamento, sendo fator norteador da escolha do tratamento mais adequado e que proporcione maiores chances de êxito, portanto, o atendimento oferecido não pode se limitar a simples operações financeiras, pois o que se encontra em jogo é vida e dignidade humana, fundamento de toda a ordem jurídica e fonte de todas as leis.
Tais conflitos são ainda mais acentuados nos casos em que o paciente possui contrato de plano de saúde anterior à janeiro/99, quando entrou em vigor a Lei 9656/98 que regulamenta os planos de saúde privados.
Os planos antigos, ou seja, anteriores a esta lei, ao contrário dos novos, que são regidos pelas normas da ANS, alegam que não são obrigados a pagar o tratamento de todas as doenças nem a autorizar a execução do rol de procedimentos médicos mais freqüentes, o que em parte fora corrigido pela edição da Portaria 3/99 da SDE/MJ que inseriu novas cláusulas ao rol contido no artigo 51 do Código de Defesa do Consumidor, que elenca as consideradas abusivas, incluindo as cláusulas que imponham, em contratos de planos de saúde firmados anteriormente à Lei 9656/98 (alterada pelo MP 2177/2000), limites ou restrições a procedimentos médicos contrariando prescrição médica.
Ademais, neste aspecto o médico possui particular proteção legal que se encontra nos artigos 8º e 16º da Resolução 1246/88 do CFM, os quais estabelecem que nenhuma instituição, seja pública ou privada, poderá limitar a escolha, por parte do médico, para o estabelecimento do diagnóstico ou para execução do tratamento, o que vem sendo roborado pelas decisões dos Tribunais, citando como exemplo decisão recente do STJ onde o ministro Carlos Alberto Menezes Direito Desembargador relator de caso envolvendo tal temática, assim destacou: “Na verdade, se não fosse assim, estar-se-ia autorizando que a empresa se substituísse aos médicos na escolha da terapia adequada de acordo com o plano de cobertura do paciente, o que é incongruente com o sistema de assistência à saúde. (RESP668216)”
Se por um lado as leis e as decisões dos Tribunais vem protegendo o paciente e o médico quanto á escolha do tratamento adequado, sabemos que na prática as pressões e negativas continuam acontecendo nos `bastidores´. Logo, percebemos que há muito que avançar neste conflito, o que poderá ocorrer com a união das entidades de classe e das associações e organizações que amparam os pacientes, pois como diz o ditado: “a união faz a força”..
O tempo atual é de agitação, que se constata em todos os setores da saúde. E período próprio de abertura. De liberação de forças que, por terem sido longamente contidas, hoje se revelam conflituosas. O sistema judicial brasileiro precisa acordar para essa realidade. É bom que o faça logo.
27/08/2011 15:12
De: Miguel Antonio Barreto (miguel.mab@gmai.com)
IP: 187.69.42.88

ISENÇÃO DE IMP.DE RENDA NA FONTE DEPENDENTEN C/ CANCER

Sou funcionário público aposentado e em razão de ter bom salário, desconto Imposto de Renda na fonte. Tenho 3 dependentes legais, minha esposa e meus 2 filhos.
Minha esposa é portadora de cancêr de mama, em estagio avançado e está fazendo quimioterapia. A doença é comprovado com exames e biopsia.
Tendo em vista que meus dependentes são meus "dependentes" PARA TODOS OS EFEITOS LEGAIS, pergunto: posso obter ISENÇÃO DO DESCONTO DE IR NA FONTE (27%) ? Em caso positivo, esse desconto ocorre até o fim do tratamento e depois é retomado?
Obrigado;
Miguel Antonio Barreto
17/09/2011 17:19
De: laura amado dos santos
IP: 187.75.81.15

Re: Cancer no colo do utero

oi amiga,tive o mesmo poblema,c a de colo,fiz histerictomia radical tirei tudo,e estou recendo do inss,desda do dia da cirugia ,eu trabalhava registrada de cozinheira e digo se nao fosse ,estava perdida hj,vou fazer 25 seçao de radio,e vou ter direito a pegar meu fundo de garantia,e bilhete unico pra pegar conduçao de graça
por isso te digo procure seus direitos
obs:assistencia social do hospital quem me orientol bjs boa sorte ,tenha fe em DEUS,jesus cristo cura
04/10/2008 12:27
De: Rodrigo Da Rocha Peres Garcia (rodrigoraphael1@hotmail.com)
IP: 201.19.118.218

Benefícios

Acabei de retirar um rin, gostaria de saber se pass ater direito a isenções do tipo: compra de carro zero, imposto de renda, direito a riocard e ou qualquer outro benefício. existe  possibilidade do  rin que foi retirado estar com um tumor maligno, isso da direito a algum benefício e o que devo fazer para ter direito a taís benefícios.
12/06/2012 08:20
De: Jurandi Albino de Souza
IP: 177.17.152.7

Informação (Pede)

Sou portador de cançer  de próstata, já submetido a prostatectomia com extirpação de vesícula seminal e submetido a 35 sessões de radioterapia e me encontro em controle de tratamento a 5 anos.
Perguro: Tenho direito a desconto na compra de um carro novo, se positivo a resposta , quais os procedimentos (documentos)?
Abraço
28/04/2009 10:59
De: Ieda M. Asprino
IP: 201.83.18.217

Benefício ao deficiente mental

Olá
Tenho uma filha com deficiência metal  de 11 anos.
Hoje fui ao INSS pedir o benefício, ainda aguardo a perícia médica.
Gostaria de saber se posso pedir o retroativo desse benefício decorrente dos 11 anos que ela ficou sem receber
Grata
Ieda
19/05/2009 22:49
De: Maria Paula (mariapaulacarlini@hotmail.com)
IP: 201.81.184.89

IPI Soropositivo


Gostaria de obter informação a respeito da possibilidade de otenção de redução IPI na compra de carros para pessoas soropositivas.
É possível obter desconto?
atenciosamente
Seu IP: 54.87.179.107 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)